Trabalhar

Análise de Dados: entenda por que as empresas valorizam quem tem essa habilidade!

por Jessica Fradique

Com o avanço da tecnologia, a cada dia que passa as empresas possuem mais capacidade em entender seu público, seus produtos, sua marca e o mercado no geral. E estar alinhado com a tecnologia e com as informações que ela traz é estar à frente da concorrência e também ter passos mais seguros sobre os rumos que a empresa ou marca deve tomar.

E um grande aliado para essas tomadas de decisões estratégicas é a análise de dados!

Mas… o que é análise de dados?

Análise de dados é o estudo do conjunto de informações obtidas em uma ou mais frentes dentro de uma empresa. Por exemplo, uma empresa que vende produtos pela internet pode querer analisar como é o comportamento de compra de seus clientes e quais são os produtos que fazem mais sentido para eles. Ou uma empresa quer aumentar a produtividade de seus funcionários e precisa entender quais são as ferramentas utilizadas no dia a dia e como elas podem ser otimizadas. A análise de dados é justamente pegar essas informações específicas, estudá-las e trazer um resultado baseado em dados reais. 

    

Por que é importante analisar dados?

Justamente por se tratar em um conjunto de informações baseadas em dados reais, a análise de dados auxilia as empresas em tomadas de decisões estratégicas e certeiras. Entender como o seu negócio, setor ou público funciona te ajuda a saber quais são os melhores direcionamentos que devem ser tomados, o que precisa mudar e o que precisa ser implementado, tudo baseado em estudos e não achismos. Com isso, as chances de sucesso são muito maiores!

Quais áreas trabalham com análise de dados?

Dependendo do tamanho da empresa, quem cuida dos dados pode ou ser uma pessoa específica (que vai analisar dados gerais), ou áreas completas que são inteiramente dedicadas à isso. Algumas delas são:

Data Science

Como o nome já diz, é uma área da ciência dos dados. Os cientistas de dados, profissionais dessa área, são pessoas multidisciplinares que entendem de dados matemáticos e estatísticas e, com elas, conseguem informações que ajudam a empresa a entender quais caminhos ela deve seguir quando se trata de estratégia e inteligência de negócios. 

BI

BI, ou Business Intelligence, é uma área bem parecida com data science, porém, os dados captados têm uma função diferente pois são utilizados para entenderem o histórico da empresa e o que ela fez e traz informações que ajudam os gestores com as tomadas de decisões internas. Enquanto data science pensa em estratégias de negócio, o BI ajuda a empresa a entender o que ela precisa melhorar atualmente para ter uma estrutura mais qualificada e atender melhor o seu público. 

Pesquisa de Mercado

 A pesquisa de mercado, como o nome diz, é uma área que usa dados para entender um mercado específico, analisando a sua concorrência, público, situação atual e tendências.

Com ela, empresas podem tomar decisões mais acertadas em onde construir seus empreendimentos ou qual produto faz mais sentido ser lançado em um momento específico.

Como atende vários segmentos, é uma área bem complexa que utiliza profissionais de diferentes habilidades para essa captação de informações. 

SEO

Já o SEO (Search Engine Optimization) é uma área que utiliza dados para ajudar um site ou empresa a estar bem rankeado em sites de pesquisas, como o Google e Bing, por exemplo. A área puxa dados que mostram como é o mercado desse site ou empresa, o que o público quer ver, quais produtos são mais relevantes e quais informações precisam estar nesse site ou e-commerce e como elas precisam aparecer. Como resultado, ajudam a trazer mais público para acessar esse site e gerar mais vendas (em casos de e-commerces) ou mais visualizações (em caso de sites de conteúdo). 

Gostou desse conteúdo? Então compartilhe com seus amigos e colegas de trabalho que têm interesse em análise de dados e suas vertentes!